Dec 10, 14

Ei povo, cês tão bem?

Tô meio sumida né (não que alguém vá sentir falta) mas é porque tô no Brasil e com internet (terrível) só no celular. Então se a formatação desse post sair meio simples é por isso, tá?

Não deu tempo de programar nada e nem sequer avisar vocês que eu ia ficar fora. Mas é que nas últimas semanas minha mãe soltou uma bomba em mim: O passaporte dela iria vencer apenas 3 meses após a viagem. E pra quem não sabe, é exigido que o passaporte tenha no mínimo 6 meses de validade a partir da data da viagem. Aí lá vai Babi atrás de Consulado, ligando pra companhia aérea correndo atrás de data pra fazer passaporte com a Polícia Federal e foi AQUELA dor de cabeça. O que eu não sabia (na verdade eu sabia mas a companhia aérea afirmou o contrário e eu preferi me convencer que estava errada e eles certos) era que o Brasileiro voltando para o Brasil pode ter a validade que for no passaporte, até mesmo 1 dia. Ou seja: Stressei pra nada.

Aí pra completar a meleca a companhia aérea DO NADA resolve cancelar meu vôo e adiar o danado. Perdi 2 dias no Brasil (parece pouco mas pra quem não vai há 4 anos é muito). Aí lá vai eu cancelar táxi, ir trabalhar 2 dias extras, avisar todo mundo aqui pra não ir me buscar no aeroporto etc. Eu vou reclamar com eles e vou fazer um ~ishcândalo~ porque esses 2 dias deveriam ser recompensados, né? Ôxe.

Mas ainda no assunto stress: Incrível como me afeta. Meu corpo MOSTRA meu estado nervoso como nada na vida. Cabelo cai, pele enche de espinhas, menstruação atrasa… Eu fico uma bagunça.

Enfim. Cheguei e minhas amigas e algumas pessoas da família fizeram praticamente uma farra no aeroporto (vejam a foto abaixo e não reparem minha cara de defunto!). Levaram até umas cervejinhas pra gente ir bebendo no caminho! Nunca fui tão bem recebida.

IMG_6633-3.JPG

Tô ficando no bairro onde eu cresci. Não voltei aqui desde que saí, há mais ou menos 10 anos atrás. É tão estranho voltar pra cá e ver que quase nada mudou, as pessoas continuam as mesmas. Sair na rua e ver que o pessoal me reconhece mesmo depois de todo esse tempo é tão gostoso! Fora aquela sensação de estar em casa, né? Postei no meu FB da sensação de “estou em casa” que tive quando daqui onde eu estou eu consegui escutar a música da igreja lá em cima que toca as 18 horas todos os dias. Cresci com isso e foi muito nostálgico!

Mas agora: Eu tô horrorizada com os preços das coisas. Tá tudo muito caro, gente. Não é justo uma pessoa que é trabalhadora e ganha um salário mínimo ter que parcelar uma compra simples de 12x pra não ficar sem dinheiro. Tô impressionada mesmo. Já tava ruim da última vez que eu vim, agora tá terrível. Tomara que melhore.

Tava com saudade demais daqui. Do vizinho ouvindo um pagodão no talo (=volume alto) no final de semana, das crianças fazendo bagunça na rua, do calor, do jeitinho das pessoas… E da comida. Claro, a comida. Uma das primeiras coisas que eu fiz foi enfiar a cara num sonho que eu já tava com vontade de comer há meses. Comi dois de uma vez!

Aí as vezes eu penso que eu quero morar aqui de novo, porque a comparação é inevitável. Por mais que Londres seja um lugar maravilhoso e as coisas sejam relativamente fáceis de conquistar, foi aqui que eu nasci e eu gosto desse clima mais informal, o contrário de Londres. Aqui eu tenho muitos amigos e não preciso fazer “sala” pra nenhum deles, odeio fazer sala. Eu gosto de amigo que chega na minha casa abrindo a geladeira e perguntando o que tem pra comer.

Mas o que me segura é: Eu não sou rica, não fiz faculdade e com certeza se eu arrumasse um trabalho aqui eu cairia no grupo de pessoas que ganha menos de 2 salários mínimos e provavelmente teria dificuldade pra viver e conquistar as coisas que conquisto com um mês de trabalho lá. E tem minha mãe também. Não largo minha gordinha e ela é o que mais pesa.

Mas tô aqui até dia 01/01. Sim, vou passar a virada do ano dentro do avião. Mas não ligo muito pra ano novo sabe? A passagem tava barata e pra mim é isso que conta. Tô ansiosa porque são poucos dias e quero que eles passem o mais devagar possível!

Segurem as pontas aí comigo! Tia Babi tava muito precisada de férias. Desculpem a péssima formatação!

Um beijo e um queijo ;*

Mar 14, 15
Blogging lately
Mar 04, 16
Coisas boas acontecem, sim
Dec 26, 16
Resumão 2016



  • 10 . 12 . 2014

    APROVEITAA bastante!! Depois conta tudo como foi a viagem aqui no blog <3
    Feliz ano novo!
    E ah te indiquei para uma tag lá no blog.
    Um beijo

    • 10 . 12 . 2014

      Eiiii moça!

      Feliz ano novo pro cê também! Ainnnn brigada mô bem! Vou passar lá pra olhar! :****

  • 10 . 12 . 2014

    Oi babi!!!!!!!!
    conta pra gente como foi a viagem. Curiosa!!!!!!!

  • 10 . 12 . 2014

    Que bom que deu pra resolver tuuuudo!
    Tenho vontade de morar fora, as vezes, mas não sei se me habituaria a ficar longe daqui. Que teus dias no BR tenha valido a pena, e que tenha dado pra matar a saudades.

    http://www.novaperspectiva.com/

  • 10 . 12 . 2014

    Imagino a sua indecisão, Babi… Apesar de Londres ser linda e a Europa maravilhosa, o Brasil é o Brasil… Mesmo assim, é complicado mesmo voltar com tantas incertezas. De qualquer forma, se vc decidir voltar, não se preocupa, pois vai ganhar mais de 2 salários, pois tem Inglês fluente e vivência no exterior, o que é um plus e tanto por aqui :) Além do mais, você não é nenhuma caquética pra estar achando que só pq ainda não tem faculdade está com td perdido. Siga seu coração e td vai ficar bem :)

  • 10 . 12 . 2014

    Ameeeei o seu blog, e amei saber que você mora em Londres *-*
    To seguindo, e se quiser visita o meu blog, se seguir ou ficar agradecida haha
    Seja bem vinda ao Brasil novamente <3

  • 10 . 12 . 2014

    Aproveita, Babi. Bem vinda de volta!!!

  • 10 . 12 . 2014

    Aiiiiii, que amô!! Ela extá aqui entrenois! ^^
    Nossa, meu. Não lembrava que era tanto tempo assim que vc morava fora. Deve ter sido uma sensação tão delícia pisar na sua terrinha, hein \o/.
    Aproveite mesmo, moça! <3
    Beijoosss

  • 10 . 12 . 2014

    Que sufoco essa história do passaporte, bom que foi resolvido! =)
    Aproveita bem muito tua família, amigos e cidade natal. Teu “sumiço” tem uma boa causa.
    Seja bem vinda à essa terra de calor infernal! hahahaha
    Beijos.

  • 10 . 12 . 2014

    Brasel tá dificil, fia. Casas Bahia divide as coisa de 213 vezes e não é a toa -q UHRWQURH Aproveita Babi! Me encaixa na sua mala quando você voltar pra Londres ok?
    <3